Fonte: OpenWeather

    Campanha eleitoral


    Coronel Menezes convoca empresários para "fazerem a diferença"

    Menezes destacou que sua gestão será baseada em resultados, com foco no empreendedorismo

    O candidato, em sua gestão, quer humanizar o Centro comercial de Manaus | Foto: Divulgação

    Manaus - O candidato a prefeito de Manaus pelo partido Patriota, coronel Menezes, convocou todos os empresários e representantes das entidades da sociedade civil organizada a fazerem a diferença nas eleições municipais deste ano, que em virtude da pandemia irá ocorrer no dia 15 de novembro.

    A convocação foi feita pelo próprio candidato durante almoço promovido pela Câmara de Dirigentes de Lojistas de Manaus (CDL Manaus), na tarde desta quinta-feira, 22/10, promovido aos candidatos à Prefeitura de Manaus.

    Menezes destacou que se candidatou a prefeito porque nos últimos anos não viu nenhuma liderança política que não seja caudatário da oligarquia política que domina o Estado nos últimos 40 anos. 

    "É preciso dar um basta neste cenário: os senhores vão fazer a diferença no dia 15 de novembro. Se vocês querem uma cidade diferente, que realmente atenda as necessidades da população, precisam se envolver", convocou o candidato.

    Em seu discurso, Menezes destacou que sua gestão será baseada em resultados, com foco no empreendedorismo, implantação do Polo Digital, incentivo ao micro e pequeno empreendedor, ao Desenvolvimento e Pesquisa (P&D)  formalização da profissão de Gamers, entre outras medidas que estão no Plano de Governo disponíveis em suas redes sociais.

    "Precisamos dar celeridade a regularização das empresas, fazer projetos desburocratizados, aperfeiçoar estes normativos. Hoje demanda-se muito tempo para regularizar as empresas. Assim como pretendemos reestruturar a Semmas, Implurb, combinando com a fluidez dos processos e a liberação das Licenças Ambientais. Queremos fomentar a geração de emprego e renda para nossa população", salientou.

    Humanização do Centro

    O candidato, em sua gestão, quer humanizar o Centro comercial de Manaus, ocupar os prédios públicos abandonados, descupar as unidades invadidas, "dar nova cara" ao Centro para atrair mais investimentos e moradores para aquela área da cidade.

    "O que pudermos fazer para melhorar aquela região da cidade, assim como outras zonas que precisam de incentivo, iremos fazer. Queremos trabalhar de forma republicana e participativa, nas ruas e não de dentro de casa ou gabinete", reforçou.

    O evento contou, ainda, com a participação de lideranças da Abrasel, Codese, FCDL, Ademi AM, Sinduscon, ACA, Amase, Fieam, entre outras entidades que representam o comércio varejista.

    *Com informações da assessoria

    Veja mais:

    Justiça Eleitoral derruba propaganda irregular de Coronel Menezes

    'Eu sou diferente de tudo que está sendo apresentado', diz Menezes

    Menezes propõe implantação de 'Hospital do Idoso' e 'Remédio em Casa'