Segundo turno


PCdoB afirma que não irá apoiar candidatos no segundo turno

Apesar de não declarar apoio, o partido afirmou que deixa seus filiados livres para a escolha do voto

Partido afirmou que nenhum dos candidatos presentes no segundo turno representa os mesmos ideais
Partido afirmou que nenhum dos candidatos presentes no segundo turno representa os mesmos ideais | Foto: Divulgação

Manaus - Seguindo a lista de partidos que não declararam apoio a nenhum dos candidatos que seguem no segundo turno, o Partido Comunista do Brasil (PCdoB), que teve Marcelo Amil como candidato a prefeito de Manaus, declarou que não apoiará nenhum dos dois candidatos que disputam o segundo turno do pleito, Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante).

“Respeitamos o resultado expresso nas urnas, ao mesmo tempo em que lamentamos as opções ora apresentadas. Nenhum dos candidatos presentes no segundo turno representa os ideais defendidos pelo PCdoB. Portanto, não receberão o apoio do partido”, diz trecho do comunicado enviado à imprensa pelo PCdoB.

Apesar de destacar que os candidatos não receberão apoio, o partido compreende que o voto nulo representa a antipolítica. “Algo também incompatível com a nossa ideologia. Dessa forma, o PCdoB-Manaus se manterá neutro, liberando seus militantes e filiados para votarem de acordo com suas preferências”, informou.

Leia Mais:

Presidente do MIR, Renê Terra Nova declara apoio a David Almeida

Alberto Neto declara apoio a David Almeida no segundo turno

David e Amazonino disputam eleitores de candidatos derrotados