Fonte: OpenWeather

    Projeto de Lei


    PL que reconhece trabalho de inclusão de instituto social vai à sanção

    Joelson Silva, responsável por propor o PL, destacou a importância do instituto e afirmou que é um trabalho que merece ser continuado

    Joelson afirmou que é necessário prolongar as atividades desenvolvidas na instituição
    Joelson afirmou que é necessário prolongar as atividades desenvolvidas na instituição | Foto: Divulgação

    Manaus - Reconhecendo o trabalho de inclusão social realizado pelo Instituto Emanuel Rei Davi (IERD), o Projeto de Lei 301/2020, de autoria do vereador Joelson Silva (Patriota), que tem a proposta de conceder título de Utilidade Pública à referida entidade, foi aprovado nesta quarta-feira (25), na Câmara Municipal de Manaus (CMM) e segue para a sanção do Executivo.

    O Instituto Emanuel Rei Davi completou 11 anos na terça-feira (24) e atende à aproximadamente 400 famílias, no bairro Nova Esperança, Zona Centro-Oeste. 

    De acordo com Joelson Silva, além de prolongar as atividades desenvolvidas no local, esse tipo de reconhecimento possibilitará inscrição em editais públicos e deixará o instituto apto a receber recursos, para aplicação nos projetos que desenvolve junto aos comunitários.

    “São onze anos de ações como os cursos de inclusão produtiva, de geração e renda, além de atividades voltadas às áreas de educação, saúde e assistência, com a finalidade de promover melhoria na qualidade de vida das famílias, assim como, reduzir a exclusão social com ações de cidadania. É um trabalho que merece ser continuado, sem dúvida alguma, e nossa proposta segue nesse sentido”, justificou o parlamentar.

    Cadastro

    Com sede na rua Marquesa de Alorna (antiga rua Y), número 3, Nova Esperança, o IERD presta atendimento nas áreas social, psicológica e de qualificação profissional. Todas as famílias fazem parte de um cadastro que possibilita o recebimento de outros benefícios, como cestas básicas, doados por parceiros, por meio de programas como Mesa Brasil (Sesi) e Aquisição Alimentar (Sepror).

    Atividades

    Entre as atividades oferecidas no local, que envolvem inclusive o público idoso, estão os cursos de assistente administrativo, beleza e estética, produção de doces e salgados, policultura, agricultura, piscicultura, horticultura, criação de animais, além de atendimento psicossocial, entre outros.

    Mais projeto

    Além do PL do IERD, Joelson Silva teve também aprovado o parecer favorável para o Projeto de Lei 178/2020. A matéria seguiu para segunda discussão, na forma da lei, e torna obrigatória a inserção de links do Procon nos sites de empresas comerciais. 

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Gestão de Joelson Silva na CMM recebe selo de qualidade do TCE-AM

    PL torna utilidade pública a Liga Desportiva do Rio Piorini

    Vereadores precisam trabalhar até o Natal para zerar pautas em Manaus