Fonte: OpenWeather

    Legislativo municipal


    Com David eleito, vereadores disputam presidência da CMM

    Especulações sobre os possíveis nomes na disputa e o vereador que poderá ser indicado pelo próximo prefeito de Manaus, estão sendo feitas nos bastidores

    Segundo especialistas, o nome a assumir o cargo de presidência da Casa deve sair dos partidos com maior bancada
    Segundo especialistas, o nome a assumir o cargo de presidência da Casa deve sair dos partidos com maior bancada | Foto: Ive Rylo

    Manaus - Com a eleição do próximo prefeito de Manaus definida nas urnas no último domingo (29), os vereadores eleitos já começam a se articular para conquistar a presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM) a partir de 2021. Segundo especialistas, o nome a assumir o cargo de presidência da Casa será escolhido pela experiência e deve sair dos partidos com maior bancada: Avante, partido de David Almeida, e Partido Social Cristão (PSC).

    Por tradição política, o prefeito eleito indica um nome para assumir a presidência da CMM, para que possa garantir uma boa relação entre as duas esferas. Um dos nomes que se destaca para presidir a Câmara Municipal é o vereador David Reis (Avante), filho do deputado estadual Sabá Reis (PL), dois grandes apoiadores de Almeida, que estiveram em destaque durante sua campanha eleitoral. Sabá foi, inclusive, um dos nomes definidos para integrar a equipe de transição da gestão do próximo prefeito.

    Durante coletiva realizada nesta segunda-feira (30), David Almeida foi questionado sobre a possibilidade de indicar um nome para compor a presidência da Mesa Diretora da Casa, mas desconversou o assunto e afirmou que o nome será definido pelos vereadores. Almeida também garantiu que a relação entre a CMM e o Executivo municipal será de parceria.

    “Esse é um assunto da Câmara Municipal. Eu fui eleito para o Executivo, eu quero ter a melhor relação possível com eles. E, vejam bem, vereadores, a Prefeitura de Manaus vai ser a maior parceira que vocês já tiveram, Executivo e Legislativo. Eu afirmo isso. Vim do Legislativo, sei as necessidades de vocês, sei como dói um deputado, um vereador precisar juntar suas bases e não conseguir essa ajuda do Executivo. É uma via de mão dupla, tenham certeza que David e Rotta serão os melhores interlocutores”, ressaltou.

    Disputa acirrada

    O cientista político Helso Ribeiro avaliou o cenário e, além de David Reis, destacou a força de Glória Carrate (PL), a patrona da Casa com 20 anos de mandato, de Wallace Oliveira (PROS) e do atual presidente da CMM, Joelson Silva (Patriota), na disputa pelo cargo. Apesar das especulações, o especialista afirmou que o cenário ainda pode mudar no decorrer do último mês deste ano, antes da decisão final.

    “Esse tema vai gerar uma polêmica, principalmente a partir de agora. Os poderes, teoricamente, são independentes e harmônicos, então quem deveria escolher seriam os 41 vereadores eleitos que vão tomar posse no dia primeiro de janeiro. Mas, há uma tradição forte de que há uma influência sempre do prefeito nesta escolha. Em um primeiro momento, eu veria cinco nomes com possibilidade de êxito. Nada impede, durante esse mês, surgir um outro que consiga conciliar”, destacou.

    Entre os nomes discutidos, o menos provável, mas que também merece atenção, é Rodrigo Guedes (PSC), vereador eleito este ano. Este foi o único vereador novato apresentado como uma possibilidade na disputa. O PSC, junto ao Avante, é o partido com maior quantidade de vereadores eleitos, quatro; logo, a possibilidade de um nome para concorrer à disputa deve surgir da sigla.

    “É aquele ditado, nem sempre quem está chegando senta na janela. Esse novato seria o Rodrigo Guedes. Seria um nome novato que eu diria até que, talvez o menos provável, mas que se suscita uma possibilidade. Tudo isso é especulação. Vamos ver como vai se dar essa discussão a partir de agora, com a confirmação do David Almeida, e até que ponto ele e o Marcos Rotta vão ter uma ingerência nessa escolha”, finalizou Helso Ribeiro.

    Questionado sobre sua possível reeleição na Mesa da Casa, o atual presidente da CMM, Joelson Silva, não se manifestou sobre o assunto até o fechamento desta edição.

    Leia Mais:

    Avante e PSC são os que receberam mais votos para vereador em Manaus

    David Almeida anuncia nomes para Comissão de Transição

    Renovação da CMM pode não refletir na Assembleia em 2022