Fonte: OpenWeather

    Inovação


    Primeiro Data Center da CMM é inaugurado nesta quinta-feira (31)

    O sistema levará melhorias à casa parlamentar, parte do processo de automação e modernização do poder legislativo

     

    De acordo com o vereador Joelson Silva, a instalação do centro de processamento de dados assegura estabilidade aos sistemas
    De acordo com o vereador Joelson Silva, a instalação do centro de processamento de dados assegura estabilidade aos sistemas | Foto: Divulgação

    Manaus - Com o objetivo de dar maior segurança nas informações, agilidade, transparência e, principalmente, integração no atendimento às pessoas, o primeiro Data Center da história da Câmara Municipal de Manaus (CMM) foi inaugurado, na manhã desta quinta-feira (31). 

    A inovação faz parte do processo de automação e modernização do poder legislativo. O novo componente é um ambiente projetado e irá concentrar servidores, equipamentos de processamento e armazenamento de dados, além de sistemas de ativos de rede, como switches, roteadores, entre outros.

    Após efetuar o descerramento da placa de inauguração, Joelson Silva conheceu um pouco mais sobre a tecnologia avançada, acompanhado do diretor-geral da CMM, Carlos Moura, e do diretor de Gestão de Tecnologia da Informação da CMM, José Maria de Jesus Júnior. O acesso ao local é feito somente por reconhecimento facial, o que garante segurança ao ambiente. 

    De acordo com o presidente, a instalação do centro de processamento de dados assegura estabilidade aos sistemas, e o bom funcionamento a um conjunto de elementos formado pelo  SAPL (Sistema de Apoio ao Processo Legislativo), painel eletrônico, rádios e TV Câmara em canal digital e pelo wi-fi social Mara, ferramenta on-line destinada aos cidadãos por meio de um canal de atendimento virtual, que está previsto para ser disponibilizado no início de 2021, no site da CMM.

    “Era um compromisso nosso, para modernização e preservação dos ativos digitais da Câmara de Manaus. O ambiente vai guardar todos os dados que, com certeza, estarão mais seguros. Estamos cumprindo tudo o que prometemos para a sociedade, modernizando a Câmara e fazendo com que ela possa realmente ter, além dessa obra, outras que servem para que o comunitário, a população manauara, possa vir e seja recebida da melhor forma”, destacou o presidente.

    Monitoramento

    Joelson Silva também teve acesso à sala onde é feito todo o monitoramento da rede, que analisa itens como banco de memória, armazenamento de bateria e até o ar condicionado de precisão, que visa manter a temperatura correta, o tempo todo, do data center. Tudo é acompanhado por meio de seis grandes monitores, por profissionais técnicos do próprio quadro da CMM, segundo o diretor José Júnior.

    “A Câmara sai, do que nós estávamos pretendendo e prometemos há muito tempo: inovar e trazer o melhor para dentro desta Casa. O maior bem que a CMM tem, fora as pessoas que trabalham aqui, é o bem do ativo digital. E hoje, damos um passo enorme ao entregar um data center real, com equipamentos de última geração, para termos segurança nas nossas informações. Eu agradeço ao presidente, e essa conquista é de todos”, frisou. 

    Certificação

    O funcionamento do novo ambiente e toda a execução do centro de processamento de dados serão feitos com base nas normas especificadas para a contratação de um data center, como já ocorre com as ISO 9001:2015 (Gestão de Qualidade) e 14001:2015 (Gestão Ambiental).

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Posse de eleitos terá restrições na CMM devido a pandemia

    David Almeida articula retorno de hospital de campanha em Manaus

    STF prorroga estado de calamidade pública contra pandemia no Brasil