Fonte: OpenWeather

    Recursos


    Deputado destina emendas às unidades da Defensoria Pública do Amazonas

    Na última segunda-feira (31) o parlamentar conferiu in loco a distribuição dos materiais e reforçou seu compromisso com a instituição que oferece assistência jurídica gratuita em todo o Amazonas

    O defensor público-geral, Ricardo Paiva, agradeceu o apoio permanente do parlamentar à instituição
    O defensor público-geral, Ricardo Paiva, agradeceu o apoio permanente do parlamentar à instituição | Foto: Divulgação


    Ao menos cinco unidades da Defensoria Pública do Estado (DPE-AM) serão equipadas com itens de mobiliário administrativo obtidos com recursos de uma emenda do deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD).

    Na última segunda-feira (31) o parlamentar conferiu in loco a distribuição dos materiais e reforçou seu compromisso com a instituição que oferece assistência jurídica gratuita em todo o Amazonas.

    Ao todo, foram adquiridos mais de 170 itens, entre estações de trabalho, mesas, cadeiras, poltronas, armários, gaveteiros e estantes.  

    “Fico muito feliz em ver a nossa emenda concretizada com esses mobiliários, que vão servir para que a Defensoria modernize as infraestruturas de atendimento à população da capital e do interior, com melhores condições de trabalho aos servidores. Sem o defensor público, as pessoas mais humildes não têm acesso à Justiça”, declarou Ricardo Nicolau.

    O defensor público-geral, Ricardo Paiva, agradeceu o apoio permanente do parlamentar à instituição.

    “O deputado Ricardo Nicolau é um grande parceiro da Defensoria Pública. Ano após ano, ele sempre destina emendas que são revertidas em serviços para a população. Estamos fazendo aqui uma prestação de contas de tudo o que a gente fez com esses recursos, que são sempre muito-vindos”, afirmou.  
    Apesar da pandemia, a DPE-AM registrou mais de 576,9 mil atos de atendimento entre janeiro do ano passado e abril deste ano. Maior demanda da instituição, a área de Família teve o maior número de atendimentos, com 234,9 mil atos no mesmo período, seguida das áreas Criminal, contabilizando 222,3 mil atos, e Cível, com 119,6 mil.

    No interior do Estado, a DPE-AM mantém atualmente oito polos que levam assistência jurídica em potencial a cerca de 1,3 milhão de pessoas de 39 municípios amazonenses. O processo de interiorização da instituição continua em andamento e prevê para ainda este ano a abertura de um novo polo a ser instalado na calha do Purus, com sede em Lábrea.

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Bolsonaro afirma: “No que depender do governo, haverá Copa América”

    Deputados do AM cobram a tramitação da PEC do fim do foro privilegiado

    STF julga constitucional lei que proíbe corte de luz durante pandemia