Fonte: OpenWeather

    Guarda Municipal


    Vereador propõe PL que autoriza Guarda fazer patrulhamento preventivo

    Na Aleam foi aprovada a PEC que permite que as guardas municipais de todo o Estado utilizem armas durante o exercício da profissão

     

    Para o parlamentar é preciso ampliar as atribuições dos guardas, aumentando a capacidade de combater à criminalidade
    Para o parlamentar é preciso ampliar as atribuições dos guardas, aumentando a capacidade de combater à criminalidade | Foto: Divulgação

    O vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) apresentou na manhã desta terça-feira (22), na Sessão Plenária da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o Projeto de Lei que amplia as atribuições da Guarda-Municipal, dando a eles o poder de realizar patrulhamento preventivo no combate a ação de criminosos nas áreas urbanas e rurais do Município, de forma conjunta e integrada com os demais órgãos que compõem o sistema de segurança pública.  

    Para o parlamentar é preciso ampliar as atribuições dos guardas, aumentando a capacidade de combater à criminalidade.

      “Seria um desperdício de recursos públicos, possuir uma guarda equipada, armada e treinada, mas impedida de realizar o policiamento ostensivo para prevenir e combater ações criminosas”, afirmou o vereador.  

    Na semana passada foi aprovada a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 03/2021, na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), que permite que as guardas municipais de todo o Estado utilizem armas durante o exercício da profissão. 

      “É uma vitória a aprovação, venho buscando de forma emergente uma solução no que se refere à segurança pública municipal. Precisamos reestruturar nossa guarda, buscar novos concursos, criar um estatuto próprio, e assim, tornar Manaus uma cidade mais segura”, finalizou o Capitão.  

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Vereadores pedem transferência da Rodoviária de Manaus para aeroporto

    Câmara aprova texto-base da MP de privatização da Eletrobras

    Deputado apresenta PL contra impactos de desastres naturais e humanos