Fonte: OpenWeather

    Política


    Bibiano Garcia vai pedir formalmente para não receber ‘auxílio paletó’

    O vereador Bibiano Garcia (PT), em seu primeiro mandato, anunciou na manhã desta quarta-feira (2), por meio de sua assessoria, que vai pedir formalmente para não receber a ajuda de custo conhecida como ‘auxílio paletó’. O parlamentar deve protocolar memorando junto à presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM) solicitando a dispensa do privilégio nesta quinta-feira (3), às 9h30. Previsto no artigo 6º da Lei 199, de 23 de dezembro de 2008, o benefício possui valor atual de R$ 15 mil, sendo concedido a todos os vereadores logo após a posse. “Meu pai era agricultor e nem por isso recebia `auxílio enxada`. Sou professor e nem por isso, recebo ´auxílio giz´. Então, porque os vereadores, que ganham muito bem, têm de receber esse auxílio”, questiona. Segundo o vereador, se ele aceitasse esse tipo de benefício estaria traindo a história de luta do grupo de pessoas do qual faz parte, bem como a sua própria consciência. “Quero que o dinheiro arrecadado com os impostos seja usado em prol da população como um todo e não em benefício de quem não precisa”, afirmou Bibiano. Bibiano Garcia, que é professor concursado da Secretaria Municipal de Educação (Semed), possui larga atuação em movimentos sociais, tendo sido eleito pela primeira vez.