Fonte: OpenWeather

    Terceira idade


    FUnATI oferece palestras virtuais ao vivo sobre o Envelhecimento

    Será um série de palestras falando sobre terceira idade, visando à promoção de saúde para um envelhecimento ativo e saudável

    Telepalestras destinadas a idosos
    Telepalestras destinadas a idosos | Foto: Divulgação

    Manaus - A Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade (FUnATI) realiza, a partir desta quarta-feira (24), uma série de web palestras voltadas aos estudos do envelhecimento. A primeira terá o tema “Conhecendo os termos básicos do Envelhecimento” e será ministrada pela subcoordenadora de Ensino da FUnATI e mestre em Gerontologia, Márcia Santoro. A palestra será transmitida ao vivo, das 15h às 16h, no canal de Telessaúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e pelo aplicativo Mano Web na aba “Educação”, com tradução simultânea em Libras, permitindo um acesso maior ao conteúdo.

    Após a transmissão, os vídeos serão disponibilizados no canal do Youtube da instituição (Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade). O acesso é gratuito e serão concedidos certificados aos participantes.Durante a série, serão abordados diversos assuntos, entre os quais, conceitos básicos, nutrição, atividades físicas e saúde.

    O projeto é uma iniciativa da Coordenação de Ensino da FUnATI e contará com profissionais especializados na área de Gerontologia, especificamente no tema a ser abordado. 

    Para atender a uma nova demanda de ensino durante o isolamento social, a FUnATI vem oferecendo alguns serviços e atividades remotas para todo o seu público. “Precisamos nos adaptar a esta nova realidade e a parceria com a Universidade do Estado do Amazonas tem nos ajudado a dar continuidade ao trabalho realizado com mais de três mil alunos”, destaca o reitor da FUnATI, Euler Ribeiro.

    Para a coordenadora de Ensino da FUnATI, Kennya Mota, “este novo ciclo de palestras on-line tem como objetivo disseminar informações gerais para a sociedade sobre o processo do envelhecimento e seus vieses biopsicossociais, visando à promoção de saúde para um envelhecimento ativo e saudável”.


    *Com informações da assessoria 

    Ver mais:

    O futuro do Brasil é o envelhecimento

    Prefeitura acende alerta para violência contra idosos em Manaus

    Ainda não se vacinou contra influenza em Manaus? Dá tempo!