Fonte: OpenWeather

    Saúde


    Conheça os riscos de infecção de doenças em salões de beleza

    Segundo especialistas, objetos contaminados por sangue podem virar canais de transmissões de doenças como hepatite e o vírus do HIV

     

    Em tempos de pandemia, cuidados de higiene devem ser redobrados contra a covid-19
    Em tempos de pandemia, cuidados de higiene devem ser redobrados contra a covid-19 | Foto: Reprodução

    MANAUS (AM) - Ir ao salão de beleza é um dos principais hábitos de homens e mulheres amazonenses. No entanto, especialistas alertam sobre os cuidados necessários, especialmente, em relação a objetos como alicates e tesouras, que possuem potencial de virar canais de transmissão de doenças como a hepatite B e até do vírus HIV (vírus da imunodeficiência humana).

    Segundo a dermatologista Alcides Fonseca, existem quatro  doenças que podem ser transmitidas no salão de beleza por objetos contaminados por sangue: as hepatites B e C, HIV e sífilis. A especialista enumerou uma série de cuidados que devem ser adotados como prevenção. 

    "

    É muito importante levar os próprios instrumentos previamente limpos para o tratamento das unhas, mas caso você não os possua, atente-se de que aqueles utilizados por manicures, pedicures e podólogos tenham sido lavados, secados, embalados e esterilizados na autoclave ou estufa corretamente "

    , explica a médica.

     

    Além das doenças causadas pelo contato com objetos contaminados por sangue, as escovas e pentes não higienizados aumentam a probabilidade de transmissão da dermatite seborreica, uma inflamação crônica.

    "Essa doença ataca o couro cabeludo, causando lesões avermelhadas que descamam e coçam. Por isso, é importante se certificar de que as escovas e pentes estejam limpos, sem fios de cabelo de outros clientes", explicou Alcides.

      Outro risco de se adquirir enfermidades como herpes e conjuntivite ocorre na produção de maquiagem. Isso porque o compartilhamento de cosméticos pode favorecer a transmissão dessas infecções.  

    "Antes de agendar o serviço de maquiagem, é interessante conversar com o profissional sobre a possibilidade de levar os próprios produtos que serão utilizados, principalmente nos olhos e nos lábios", ressalta a dermatologista.

    Cuidado redobrado durante a pandemia

    Entre as principais medidas recomendadas por especialistas para a prevenção contra a Covid-19, que devem ser adotadas por clientes e proprietários de salão de beleza estão: o uso obrigatório de máscaras por todos (clientes, colaboradores e profissionais de beleza) durante todo tempo que estiverem no salão de beleza. 

    Além disso, é importante que os clientes respeitem o distanciamento mínimo de 1,5 metro; os protocolos de entrada no espaço com desinfecção de sapatos, mãos e que haja álcool em gel disponível em todas as áreas do salão. A higienização adequada do ambiente para o dia seguinte também é imprescindível.

    Leia mais

    Calor? Veja dicas para cuidar da pele no clima amazonense

    Colorimetria: descubra cores que podem sabotar ou realçar sua imagem

    Veja os cuidados ao esfoliar a pele com receitas caseiras



    <<<<<<< HEAD ======= >>>>>>> e5a666b371d90e4920345db9572e28a6ed1fabe8