Fonte: OpenWeather

    Perda


    Autor de novelas de sucessos, Gilberto Braga morre aos 75 anos

    Criador de vilões inesquecíveis, como Odete Roitman, novelista foi um dos maiores nomes da teledramaturgia brasileira

     

    | Foto: Divulgação

    Consagrando como um dos maiores nomes da teledramaturgia brasileira, o autor Gilberto Braga morreu, na noite de terça-feira (25), aos 75 anos. Ele estava internado no Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro. O carioca faria aniversário na próxima segunda-feira (1º).

     Nos últimos dias, o autor estava enfrentando uma infecção sistêmica a partir de perfuração de esófago, sem conseguir resistir as complicações. Gilberto era casado com o decorador Edgar Moura Brasil.

    Braga começou a carreira em 1972, e se tornou um dos principais novelistas da TV Globo após escrever novelas como: "Dancin’ Days” (1978), “Vale tudo” (1988), "Celebridade" (2003) e "Paraíso Tropical" (2008). Por esta última, aliás, o escritor foi agraciado com o prêmio Emmy de melhor novela.

    São seus personagens marcantes da dramaturgia brasileira, Odete Roitman, vivida por Beatriz Segall em "Vale tudo", e Júlia, encarnada por Sônia Braga em  "Dancin’ Days”.

    Também são suas novelas como "Anos dourados" (1984), "Escrava Isaura" (1976) e "Babilônia", em 2015, sua última contribuição como autor.

    Leia mais:

    Irmão de Cauã Reymond engorda 5kg para estrear como dublê do ator

    Após 28 anos, Ingrid Guimarães deixa Globo e vai para Amazon

    Bárbara Borges fala de alcoolismo: 'às vezes tenho recaídas'