Fonte: OpenWeather

    Variedades


    Amamentação evita alteração na face das crianças

    A amamentação materna também influencia a fala - foto: Divulgação
     
     
    A face é a área mais visível do organismo e sua imagem fica gravada na memória, para diferenciar uns aos outros. A harmonia do rosto depende de vários fatores e os cuidados devem começar logo após o nascimento do bebê.
    Segundo o ortodontista e ortopedista facial Gerson Köhler, a amamentação é fundamental para o correto desenvolvimento e crescimento do rosto. Ao se alimentar no seio da mãe, o bebê realiza movimentos que exercitam a respiração e a musculatura facial. A sucção do leite e a deglutição, ou ato de engolir, fortalece os músculos e direciona a formação dos ossos.
    A amamentação materna também influencia a fala. A fonoaudióloga Nilse Köhler, profissional que integra a equipe interdisciplinar da Köhler Ortofacial, ressalta que esta função da comunicação depende da correta estrutura muscular e óssea do rosto. O posicionamento da boca nos mamilos estimula os pontos articulados que produzirão os fonemas.
     
    Chupar os dedos, respirar pela boca e morder objetos - de forma continuada, crônica - são outras atitudes que prejudicam o desenvolvimento facial infantil. Isto acontece porque a função dos músculos faciais é alterada, modificando a estrutura óssea que tem muita plasticidade e começa a ser alterada em relação ao normal.
    Respiração bucal é vilã do desenvolvimento do rosto.
    Gerson aponta que  respirar pela boca é uma das principais causas da alteração do crescimento facial. A respiração correta é caracterizada pelo uso das narinas que filtra, aquece e umidifica o ar inspirado e não deve ser feita pela boca.
    Caso a criança respire incorretamente, pode haver sintomas como baixo rendimento escolar, distúrbios do sono, irritabilidade, dores de cabeça, sonolência diurna e redução da concentração.
    O acompanhamento com especialistas ajuda a identificar qualquer modificação no crescimento do rosto. Nilse recomenda cuidados precoces para garantir o desenvolvimento normal e harmonioso da face. A Monitoração Ortopédica da Face Pediátrica (MOFP) é uma boa estratégia.