×
saúde masculina

Urologista explica os diferentes tipos de ejaculação precoce e soluções para o problema

A ejaculação precoce secundária representa de 5% a 10% dos casos, enquanto a primária é mais prevalente.

Manaus (AM) — O renomado urologista Dr. Anoar Samad esclarece um tema que afeta muitos homens, a ejaculação precoce. Segundo o especialista, existem dois tipos dessa condição, sendo a primária aquela que se manifesta desde o início da vida sexual, e a secundária, que surge após um período sem queixas.

O médico destaca que, embora menos comum, a ejaculação precoce secundária representa de 5% a 10% dos casos, enquanto a primária é mais prevalente. A maioria dos homens que sofrem com esse problema são ejaculadores precoces primários, ou seja, sempre tiveram essa dificuldade.

“Existem dois tipos de ejaculação precoce. Tem a ejaculação precoce primária, que é aquela que desde o início da relação sexual o homem percebe um tempo muito curto para chegar ao orgasmo e tem ejaculação precoce secundária. O homem não tinha nenhuma queixa e a partir de um certo momento da vida ele começou a perceber essa ejaculação precoce”,

explica o especialista.

O tratamento para a ejaculação precoce pode envolver o uso de medicamentos, como comprimidos ou cremes aplicados no pênis, que ajudam a retardar o orgasmo. Além disso, terapia sexual com um profissional especializado também é fundamental.

“Se você atuar em todos esses canais de tratamento, a tendência é de uma cura e uma cura até por um curto período. O importante é procurar a ajuda de um especialista”, destaca o Dr. Anoar Samad.

É essencial buscar a orientação de um especialista para o diagnóstico correto e o tratamento adequado da ejaculação precoce, visando não apenas a melhoria da qualidade de vida sexual, mas também a saúde emocional e psicológica do paciente.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Câncer de próstata pode ter causa genética comum ao câncer de mama

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo batem recorde em 2022

Entre na nossa comunidade no Whatsapp!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *