×
DEHS

Homem é preso por manter ex em cárcere privado por não aceitar término em Manaus

No dia da ocorrência, o suspeito foi até a casa da ex-namorada e invadiu o local portando uma arma de fogo.

Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

Manaus – Maxjunior Carvalho Pinheiro, de 23 anos, foi preso em flagrante, na sexta-feira (22), por manter em cárcere privado a sua ex-namorada, de 30 anos. A prisão ocorreu na Albânia, bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus.

De acordo com o delegado Ricardo Cunha, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Maxjunior não aceitava o fim do relacionamento com a vítima. No dia da ocorrência, ele foi até a casa da ex-namorada e invadiu o local portando uma arma de fogo.

“Ele mirou a arma na cabeça da mulher e exigiu que ela reatasse o relacionamento com ele. Para a vítima não ter sua vida ceifada, retornou para a casa do suspeito”,

disse o delegado.

Segundo a autoridade policial, a vítima foi mantida em cárcere privado no local sob constante ameaça. Após os familiares dela tomarem conhecimento do fato, entraram em contato com a DEHS, que de imediato, realizou uma ação de resgate.

Os policiais foram até a casa de Maxjunior e efetuaram sua prisão em flagrante. A vítima também foi resgatada. Ele já é um velho conhecido da Justiça, e estava foragido do município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), onde possuía dois mandados de prisão por tráfico de drogas e roubo, que foram devidamente cumpridos.

Procedimentos

Maxjunior foi autuado em flagrante por cárcere privado, ameaça no âmbito da violência doméstica e porte ilegal de arma de fogo. Ele foi encaminhado à audiência de custódia e ficou à disposição do Poder Judiciário.

*Com informações da assessoria.

Leia mais:

Cadela é encontrada após passar seis anos desaparecida em floresta

Governo monitora possíveis planos de ataques às instituições em 8/1

Concurso da Petrobras com salários de R$ 5,8 mil abre inscrições na quinta (28)

Entre na nossa comunidade no Whatsapp!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *