×
homenagem

Justiça do Trabalho inaugura bicicletário com homenagem à ciclista venezuelana morta no AM

Evento foi realizado em memória da artista venezuelana Julieta Hernandez, assassinada no Amazonas, em uma viagem de bicicleta

Manaus (AM) — Em uma solenidade de frente para a rua, com a presença de vários grupos de ciclistas, o Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (AM/RR) abriu, de forma inédita, o Ano Judiciário 2024. O evento também inaugurou o bicicletário do TRT-11(Avenida Visconde de Porto Alegre, Praça 14, Zona Sul) e promoveu um circuito de cinco quilômetros pela integridade dos praticantes do ciclismo e em memória da artista venezuelana Julieta Hernandez, assassinada no Amazonas, em uma viagem de bicicleta.

No discurso de abertura, o desembargador Audaliphal Hildebrando da Silva enfatizou o alcance democrático da Justiça do Trabalho.

“Somos a casa do povo. Estamos de portas abertas para os negros, indígenas, quilombolas, comunidade LGBTQIAPN+, trabalhadores, empregadores. Todos são bem-vindos”,

saudou o presidente.

O TRT-11 é primeiro órgão do poder judiciário do Amazonas a ter um bicicletário.

A desembargadora e corregedora do TRT-11, Joicilene Jerônimo Portela destacou que o ato simbolizava o momento de relembrar a importância da Justiça do Trabalho para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária. “É um evento para enfatizar nosso compromisso firmado com o trabalho, a inovação e a sustentabilidade”, acrescentou.

A Procuradora-chefa do Ministério Público do Trabalho, Alzira Melo Costa parabenizou o TRT-11 e se disse surpresa com o evento de abertura dos trabalhos. “Sou procuradora há 15 anos, e pela primeira vez vejo uma Abertura de Ano Judiciário do lado de fora do Tribunal”, enfatizou.

Bicicletário

A programação do evento continuou com a inauguração do bicicletário, estrutura criada para que trabalhadores do Tribunal e visitantes que se deslocam de bicicletas possam guardá-las em local apropriado, com vestiário para banho e mudança de roupa. O complexo tem ainda uma rampa de acesso para pessoas cadeirantes.

Após o descerramento da placa de inauguração, aconteceu o circuito ciclista de cinco quilômetros, em homenagem à artista circense venezuelana, Julieta Hernandez, Ao final do circuito, houve também o sorteio de cinco bicicletas e outros brindes para os ciclistas participantes. Um total de 386 pessoas se inscreveu no circuito.

Campanha Vidas em Movimento

Como parte da inauguração do bicicletário, o TRT-11, por meio da Coordenadoria de Comunicação, lançou a campanha “Vidas em Movimento” nas redes sociais do Tribunal. O objetivo é conscientizar a sociedade por mais respeito à vida do ciclista, chamando atenção para a segurança daqueles que utilizam a bicicleta como transporte.

Apoios e autoridades

O circuito tem a participação dos comitês de Prevenção e Enfrentamento do Assédio Moral, do Assédio Sexual e da Discriminação; de Incentivo à Participação Feminina; da Comissão Permanente de Gestão Socioambiental; e do Programa Regional de Trabalho Seguro. Entre os parceiros estão a Polícia Militar do Amazonas, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Ministério Público do Trabalho (MPT), Amatra XI, SitraAM/RR e diversos grupos de ciclismo de Manaus.

Entre as autoridades presentes estavam o desembargador vice-presidente do TRT-11, Lairto José Veloso; a vice-presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam), Joana dos Santos Meirelles; a diretora do Centro de Memória do TRT (Cemej), desembargadora Solange Santiago Morais; a diretora da Escola Judicial (Ejud-11), Ruth Barbosa Sampaio; o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus), Ralph Assayag; o general do Exército do Comando Militar do Amazonas (CMA), Ricardo Augusto Costa Neves; o coronel aviador Lázaro Andrade Stallone e o advogado Paulo Pinto, da OAB/AM.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Suspeitos de matar artista venezuelana são transferidos para presídios em Manaus

Venezuelana morta no AM ainda pagou lanche para filhos dos suspeitos do crime, diz polícia

Entre na nossa comunidade no Whatsapp!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *