×
Luto

Hulk Brasileiro tinha 1,7 milhão de seguidores e morreu isolado, afirmam vizinhos

O homem morreu na semana passada, no dia 26, quando completou 55 anos, após passar mal em casa

Reprodução

Valdir Segato, conhecido como o Hulk Brasileiro de Ribeirão Preto (SP), era discreto sobre sua vida pessoal, vivia isolado em uma casa de fundos, não possuía familiares próximos e tinha pouquíssimos amigos. É assim que vizinhos e conhecidos do influenciador relatam que ele vivia na cidade do interior paulista.

Apesar disso, nas redes sociais, Hulk fazia bastante sucesso com 1,7 milhão de seguidores no TikTok e quase 20 milhões de curtidas em suas publicações. O influenciador fazia transmissões ao vivo quase todos os dias, em que conversava com o público e exibia seus músculos.

O homem morreu na semana passada, no dia 26, quando completou 55 anos, após passar mal em casa. Segundo o Boletim de Ocorrência, a causa da morte foi natural, mas a polícia ainda aguarda o resultado do exame feito pelo IML (Instituto Médico Legal).

O operador de caldeira Antônio Jadson da Conceição era vizinho de Valdir e conhecia o influenciador havia cerca de dez anos. Foi para a mãe dele que Hulk pediu ajuda quando começou a passar mal, com sintomas de falta de ar, no dia em que morreu. O influenciador morava de aluguel em um imóvel nos fundos da casa da família, no bairro Jardim Salgado Filho I, zona Norte da cidade.

A mulher e o marido socorreram o homem e com o carro da família o levaram até a UPA norte, que fica a cerca de 10 minutos da casa deles.

“Ele chegou na UPA andando, mas com muita falta de ar. Ao entrar na recepção ele passou mal e caiu. Acho que nem deu tempo de os médicos fazerem algo”,

relata o operador de caldeiras.

*Com informações do Uol

Leia mais:

MEC prorroga até sexta-feira (5) inscrição para o Prouni

Câmara aprova PL que pune golpes cometidos por meio de redes sociais

Justiça anula júri que condenou réus por tragédia na Boate Kiss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.