×
Educa+Amazonas

Ceti em Codajás promove educação para 1 mil estudantes

A unidade escolar já inicia as atividades em total alinhamento aos pressupostos do Novo Ensino Médio

Ceti em Codajás
Um dos diferenciais da escola é o Espaço Maker, que compõe o projeto “Fazer para Aprender”, do programa Educa+Amazonas. - Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

Codajás (AM) – O Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) José de Araújo Rodrigues, inaugurado nesta quinta-feira (28), tornou-se a unidade de ensino referência no Ensino Médio do município de Codajás (a 240 quilômetros de Manaus).

Dedicada integralmente à modalidade, o Ceti vai atingir aproximadamente 1 mil estudantes, e inicia suas atividades na Terra do Açaí como uma oportunidade de formar profissionais capacitados, que visam contribuir com o crescimento do município.

Esta é a décima escola de tempo integral entregue pela atual gestão e a nona em modelo de Ceti. Com foco na implementação do Novo Ensino Médio, a escola dispõe de laboratórios de informática, química, salas de luta, dança e música, além de piscina, quadra coberta e campo de futebol.

Um dos diferenciais da escola é o Espaço Maker, que compõe o projeto “Fazer para Aprender”, do programa Educa+Amazonas.

Entregue totalmente equipado, o espaço dispõe de materiais que permitirão a autonomia dos estudantes no processo de aprendizagem, por meio da robótica, programação, impressão em 3D, eletrônica, produção de áudio e vídeo, marcenaria e produção artística.

A gestora da unidade escolar, Maria do Socorro Bastos, explica como um ambiente estruturado pode mudar o futuro de muitos estudantes.

Nós estamos vivenciando um momento histórico para a educação amazonense, vamos dar a oportunidade para estes jovens terem um ensino de qualidade, focados no Novo Ensino Médio, que torna o estudante protagonista, dono da sua própria história. E, sem dúvida, aqui neste ambiente se formarão os nossos futuros profissionais que devem contribuir diretamente para o avanço do nosso município”, reiterou a responsável pela unidade.

Gestora da unidade escolar, Maria do Socorro Bastos. – Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

A estudante Daniele Silva, que finaliza o Ensino Médio em 2022, conta como é importante ter um espaço adequado para se dedicar à preparação dos vestibulares e demais avaliações externas.

Eu estou muito feliz de saber que neste ano vou concluir meus estudos nesta escola, ainda mais em um ano tão importante para o início da minha vida acadêmica e profissional”, destacou a aluna.

Daniele Silva. – Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

Novo Ensino Médio

Sérgio Carvalho, de 17 anos. – Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

A unidade escolar já inicia as atividades em total alinhamento aos pressupostos do Novo Ensino Médio e da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), sempre focados no principal objetivo, que é desenvolver as habilidades e competências dos estudantes.

O aluno Sérgio Carvalho, de 17 anos, pretende cursar Engenharia Eletrônica e ficou entusiasmado com os novos laboratórios disponibilizados na escola.

Estou maravilhado com as possibilidades de aprendizado que eu terei. Os laboratórios são completos e vão ser muito bem aproveitados. Estou ansioso para vir estudar”, finalizou o estudante.

Edição Web: Bruna Oliveira

Fotos: Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

*Agência Amazonas

Leia mais:

Wilson Lima inaugura Ceti e leva “Governo Presente” para Codajás, no AM

Seduc promove curso sobre Novo Ensino Médio para gestores e professores

Escola estadual inaugurada na Alvorada tem mais de 300 vagas disponíveis para o Ensino Médio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.