×
Assassinato

Homem é indiciado por matar namorada e jogar o corpo dela em cisterna

De acordo com Polícia Civil de Goiás, Francisco Joaquim Bispo confessou ter matado Luiza Helena Pereira por ciúmes

Divulgação

A Polícia Civil de Goiás indiciou um homem de 39 anos, na última quarta-feira (22), que admitiu ter matado a namorada por ciúmes. A vítima era a diarista Luíza Helena Pereira, de 38 anos, que foi morta enforcada pelo companheiro, identificado como Francisco Joaquim Bispo Filho.

Francisco levou os policiais até uma cisterna na qual escondeu o corpo da vítima, em Cristianópolis, sudeste de Goiás. A prisão dele ocorreu em 15 de maio, em uma casa no município de Paranã, região sudeste do Tocantins. O suspeito cumpre prisão preventiva desde então.

A 1ª Delegacia Distrital de Polícia de Aparecida de Goiânia indiciou o homem por feminicídio qualificado, com três qualificadoras: asfixia, com esganadura do pescoço da vítima; impossibilidade de defesa; e feminicídio. Além disso, de acordo com a investigação, ele também responderá por ocultação de cadáver. Se condenado, pode pegar uma pena superior a 30 anos de reclusão.

A defesa afirmou que o cliente “agiu no calor da emoção, do ciúme”. Após a conclusão do inquérito, o procedimento foi encaminhado ao Poder Judiciário. Ainda não há data prevista para julgamento.

*Com informações do Metrópoles

Leia mais:

Jovem morre após pular de trampolim de piscina

Após ser preso pela PF, pastor disse que iria “destruir todo mundo”

“Patati” é executado na frente de casa noturna no Monte Sião

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.