×
CENSO 2022

Quase 19 mil candidatos farão provas do IBGE no Amazonas

Saiba o que levar no dia e os horários de abertura dos portões nos locais de prova

processo seletivo simplificado
Provas serão aplicadas no período da manhã para candidatos a recenseador e à tarde para agente censitário. - Divulgação

Manaus (AM)- Serão realizadas no próximo domingo (10) as provas do processo seletivo simplificado (PSS) do Censo Demográfico 2022. No Amazonas, 18.939 pessoas estão inscritas para concorrer aos cargos de recenseador e agente censitário, nos 62 municípios do Estado; sendo 9.383 inscritas para o cargo de recenseador, e 9.556, para agente censitário.

Na Região Norte, quase 75 mil pessoas farão as provas, e no Brasil, o número chega a 620 mil candidatos aos cargos para o Censo 2022.

Os candidatos às vagas de recenseador farão a prova no período da manhã. Já os candidatos a agente censitário municipal (ACM) e agente censitário supervisor (ACS), no período da tarde.

O cartão de confirmação da inscrição com o local de prova está disponível para consulta no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), empresa organizadora da seleção.

Mais de 3 mil vagas

O IBGE no Amazonas vai selecionar 3.092 servidores temporários para o Censo, sendo 2.702 recenseadores e 390 agentes censitários supervisores (ACS) e municipais (ACM). As vagas estão distribuídas nos 62 municípios do Estado.

Os recenseadores do IBGE atuam diretamente na coleta das informações, entrevistando os moradores dos domicílios.

Já o ACM gerencia o trabalho do posto de coleta, enquanto o ACS, subordinado ao ACM, tem como principal função orientar os recenseadores durante a execução dos trabalhos de campo.

Edson Oliveira, um dos inscritos no Processo Seletivo, está animado com a chance de trabalhar como recenseador.

Ele conta que há algum tempo tem vontade de exercer a função, e explica por quê: “eu tinha uma amiga que trabalhava no IBGE, e sempre falava muito bem do trabalho, de como é se sentir importante porque o IBGE é uma coisa gigantesca, e eu acho que é gratificante fazer parte desse trabalho“.

Edson complementou afirmando gostar de fazer trabalhos externos: “acho que é uma missão linda, buscar dados, e esses dados servirem para ajudar as pessoas. Estou bastante entusiasmado em fazer parte disso”.

Desde 2020, ele está na expectativa de fazer a prova do IBGE para o Censo, que foi adiada em razão da pandemia, e agora que chegou a hora, ele afirma que está preparado: “as minhas expectativas estão boas. Consegui estudar, dentro do meu tempo, mas consegui estudar, e estou confiante”.

Atenção ao dia da prova

No dia da prova, o candidato deve levar o comprovante de inscrição, um documento de identidade original com foto e caneta esferográfica de cor preta ou azul, fabricada em material transparente.

O IBGE recomenda que o candidato conheça o local com antecedência e chegue, pelo menos, uma hora antes do início da prova.

O candidato deverá seguir os protocolos sanitários contra a Covid-19 estabelecidos por cada município e informados no cartão de confirmação da inscrição.

O candidato que descumprir as orientações previstas no edital será eliminado do processo seletivo.

A prova para recenseador será aplicada às 9h (horário de Brasília), ou seja, às 8h, no Amazonas, e terá três horas de duração.

Os candidatos farão uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, com 50 questões, divididas em 10 questões de Língua Portuguesa, 10 questões de Matemática, 5 questões sobre Ética no Serviço Público e 25 questões de Conhecimentos Técnicos.

Já os candidatos a ACM e ACS farão as provas no período da tarde. Elas serão aplicadas às 14h30 (horário de Brasília), então, às 13h30, no Amazonas, e terão duração de três horas e trinta minutos.

O exame terá 60 questões, sendo 10 questões de Língua Portuguesa, 10 questões de Raciocínio Lógico Quantitativo, 5 questões de Ética no Serviço Público, 15 questões de Noções de Administração / Situações Gerenciais e 20 questões de Conhecimentos Técnicos.

O conteúdo das provas está detalhado no edital. O IBGE disponibilizou uma apostila de conhecimentos técnicos para que o candidato tenha acesso às informações necessárias para responder às questões sobre a operação censitária.

A apostila e o Código de Ética do IBGE estão disponíveis no site da FGV.

Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia seguinte a aplicação das provas, 11 de abril, no site da FGV. O resultado final está previsto para 20 de maio.

Resumo

  • Provas serão aplicadas no período da manhã para candidatos a recenseador e à tarde para agente censitário.
  • Cartão com o local de prova está disponível no site da FGV.
  • Gabaritos preliminares serão divulgados no dia seguinte a aplicação das provas, no site da FGV. O resultado final está previsto para 20 de maio.
  • IBGE no Amazonas oferece 2.702 vagas para recenseador, 300 para o cargo de agente censitário supervisor (ACS) e 90 para o cargo de agente censitário municipal (ACM). Coleta do Censo começa em 1º de agosto.

No total, são 3 mil e 92 vagas abertas para a operação do Censo, no Estado. Quem for concorrer a um dos cargos, deve acessar o site: https://conhecimento.fgv.br/concursos/ibgepss21/10, e buscar o seu cartão de confirmação para a prova.

*IBGE Amazonas

Edição Web: Bruna Oliveira

Leia mais:

Termina quarta (16) o prazo para o pagamento da inscrição do Censo 2022

Setor de serviços cresce 11,4% no Amazonas em 2021, segundo IBGE

Taxa de desemprego recua para 11,2% em janeiro, diz IBGE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.