×
LESÃO CORPORAL

Personal que flagrou esposa com mendigo é indiciado por lesão corporal

A situação teve repercussão em março deste ano e aconteceu na cidade de Planaltina (DF)

Foto: divulgação

O personal trainer Eduardo Alves, 31, foi indiciado por lesão corporal por ter agredido brutalmente o ex-mendigo Gilvaldo Alves após tê-lo flagrado fazendo sexo com a sua esposa. A situação teve repercussão em março deste ano e aconteceu na cidade de Planaltina (DF).

A agressão aconteceu por Eduardo achar que Givaldo estava estuprando a sua esposa dentro do carro dela. A ocorrência registrada por câmeras de segurança e mostram o mendigo levando uma sequência de socos. O homem foi parar no hospital e passou alguns dias internado após o episódio.

O morador de rua Givaldo Alves foi indiciado por calúnia e difamação por ter concedido entrevistas relatando detalhes da relação sexual com a mulher que, segundo o marido, estava passando por um surto psicótico no momento do ato.

Após o ocorrido, a mulher foi diagnosticada com transtorno bipolar afetivo depois de ter ficado internada por 30 dias.

Leia mais:

Casal coloca churrasqueira em quarto para se esquentar e morre asfixiado

Justiça nega pedido e mantém julgamento de Flordelis em Niterói

Criança autista fica 12 dias sozinha em casa com o corpo da mãe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.