×
TENTATIVA DE FEMINICÍDIO

Homem é procurado por tentativa de feminicídio ao esfaquear ex-companheira, em Manaus

A mulher foi levada para o Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul, onde recebeu alta após avaliação médica

Foto: divulgação

Manaus (AM) – Um homem identificado como Jorge José Gonçalves Mota, de 52 anos, está sendo procurado pela Delegacia Especializada em Crimes Contra Mulher (DECCM) da Zona Centro-Sul por tentativa de feminicídio ao esfaquear a sua ex-companheira, de 47 anos, na residência da vítima, localizada no Conjunto Castelo Branco, bairro Parque 10 de Novembro.

A mulher foi levada para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul, onde recebeu alta após avaliação médica. O homem segue foragido.

Jorge José Gonçalves Mota

O filho da vítima, que mora no mesmo local onde aconteceu a tentativa de feminicídio, informou que, quando chegou na residência, encontrou a mãe tentando sair da casa com uma facada no pescoço e completamente ensanguentada.

“Ela já terminou com ele faz muito tempo. Tinha saído apenas para arrumar a minha moto com o meu primo. Quando voltamos, a vizinhança toda estava gritando e falando que tinha alguém gritando dentro da minha casa há horas. Peguei a chave e fui direto abrir o portão. Quando fui girar a maçaneta a minha mãe conseguiu escapar e já estava toda ensanguentada. Não desejo para ninguém ver a mãe nessa situação. Ela caiu de joelhos, o meu primo viu o ferimento no pescoço e colocou a mão para estancar. Pegamos o carro da vizinha e fomos para o Hospital 28 de Agosto”, declarou.

O jovem declarou ainda que Jorge José esfaqueou a sua mãe enquanto ela lavava a louça. A vítima contou ainda para familiares que entrou em uma luta corporal com o homem.

“Ela lutou por mais de 30 minutos com ele. Ele pegou ela por trás, ela estava lavando a louça e ela viu só um ‘vulto’. Na hora, conseguiu se virar. Se ela não se vira e ele consegue fazer o primeiro golpe, ele já teria a matado. Eles foram para o chão, ele segurou o cabelo dela, quebrou o dente dela. Quando ela estava no chão, conseguiu puxar a botija de gás com os pés e atingiu na costa dele. Foi nessa hora que ela conseguiu se virar. Se eu tivesse chegado um pouco depois, nunca mais veria a minha mãe”, ressaltou.

A DECCM faz um apelo a população para caso alguém tenha alguma informação sobre o paradeiro Jorge José, repasse para os telefones (92) 3236-7012 / 3642-7676, 181 da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM) e 190 do Centro Integrado de Operações (Ciops).

Leia mais:

Mais dois homens envolvidos na morte de empresário são presos em Manaus

Escola estadual é alvo de bandidos e tem fiação elétrica furtada em Manaus

Suspeito de roubo apanha da população no bairro Dom Pedro, em Manaus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.