×
Vitória

City bate Real em jogo pela semi da Champions

A segunda partida da semifinal ocorre no próximo dia 4

Manchester City e Real Madrid protagonizaram um grande embate nesta terça-feira. No Etihad Stadium, o time inglês venceu por 4 a 3, pelo primeiro jogo da semifinal da Liga dos Campeões da Europa.

Kevin de Bruyne, Gabriel Jesus, Foden e Bernardo Silva marcaram para os donos da casa. Benzema (2) e Vinicius Júnior anotaram os gols dos espanhóis.

A segunda partida da semifinal ocorre no próximo dia 4, no Santiago Bernabéu, às 16 horas (de Brasília).

Antes disso, as equipes possuem compromissos nos seus respectivos campeonatos nacionais. O Manchester City enfrenta o Leeds, neste sábado, pela Premier League. Na mesma data, o Real Madrid recebe o Espanyol, pela La Liga.

O jogo

O City abriu o placar com menos de dois minutos de bola rolando. Mahrez se livrou da marcação do lado direito e cruzou para de Kevin de Bruyne, que cabeceou para o fundo das redes. Aos 11, gol dos anfitriões de novo. De Bruyne cruzou para Gabriel Jesus na área, que dominou tirando de Alaba e finalizou sem chances para Courtois.

A primeira chance do Real veio aos 24. Benzema roubou a bola na área do City, e Vinícius Júnior dividiu com Rúben Dias, que mandou a bola na própria trave, mas o lance foi anulado, pois o brasileiro estava impedido.

Aos 28, De Bruyne deu uma linda enfiada de bola para Foden, que chutou mal, desperdiçando uma boa chance. Os visitantes responderam pouco tempo depois. Benzema cruzou para Alaba, que cabeceou com muito perigo, mas a bola foi pra fora.

Aos 33, Mendy fez cruzamento perfeito para Benzema, que finalizou de canhota para diminuir a vantagem do rival. Na jogada seguinte quase saiu o empate: Rodrygo finalizou para a defesa de Ederson. Na reta final da primeira etapa, Mahrez cobrou falta direto pro gol e Courtois afastou o perigo.

No início do segundo tempo, Mahrez deu uma meia-lua em Nacho, ficou cara a cara com o goleiro, mas chutou na trave. No rebote, Foden ficou com o gol praticamente livre, mas finalizou em cima de Carvajal. Porém, poucos minutos depois, o inglês se redimiu. Fernandinho avançou até a linha de fundo e cruzou para Foden, que cabeceou para o fundo das redes. Contudo, o Real deu sua resposta logo em seguida.

Aos nove, Vinicius Júnior fez um corta luz na ponta esquerda, enganando Fernandinho. O atacante ficou livre para avançar, invadir a área e fazer o segundo dos espanhóis. Aos 22, o City quase ampliou. Zinchenko cruzou para Laporte, que desviou pro gol, mas parou na defesa do goleiro.

Aos 28, De Bruyne sofreu falta de Kroos, mas a bola sobrou para Bernardo Silva, então o árbitro deu vantagem. O português invadiu a área, finalizou no canto de Courtois e fez o quarto gol do City. Ainda deu tempo do Real fazer mais um e diminuir o prejuízo. Aos 34, Laporte tocou com o braço na bola e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Benzema marcou de cavadinha.

*Gazeta Esportiva

Edição Web: Bruna Oliveira

Leia mais:

CBF demite responsável pelo VAR e equipe

Bayern é campeão alemão pelo 10 ano consecutivo

Gabriel Jesus marca gols na vitória do Manchester

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.