×
Jogo vetado

Empresário confirma veto de jogo entre Guarani e Vasco, que aconteceria em Manaus

"Mesmo com aprovação dos times e federações, o jogo foi hoje indeferido pela CBF", disse o empresário, nas redes sociais

Vasco da Gama sempre leva muita torcida aos estádios de Manaus. Foto: Divulgação/Faar

Manaus (AM) – O jogo entre Guarani e Vasco não vai mais acontecer em Manaus. O anúncio foi feito pelo empresário Bernard Teixeira em seu perfil, nas redes sociais, na noite desta segunda-feira (9). Ele estava à frente das negociações para trazer o evento para a capital amazonense. A partida entre os dois times, pela oitava rodada da Série B, que seria realizada na Arena da Amazônia, foi vetada pela CBF.

“Foram semanas em tratativas para receber o jogo dia 19 de maio, da Série B do Campeonato Brasileiro, Vasco x Guarani, na Arena da Amazônia. Infelizmente, mesmo com aprovação dos times e federações, o jogo foi hoje indeferido pela CBF. Lamento dar essa notícia para os torcedores, porém faço uma promessa: muito em breve traremos o Vasco novamente a Manaus. Agradeço o apoio de todos e fica aqui um até breve vascaínos”,

disse o empresário em uma publicação em suas redes sociais.

Os dois clubes acertaram que o jogo aconteceria no dia 19 de maio, em Manaus, pois o Guarani, mandante da partida, precisaria jogar em outro campo, em razão da troca de gramado no Brinco de Ouro, em Campinas.

Porém, a CBF vetou a realização do jogo, pois o mandante não possui autoridade fora do seu próprio estado, sem a autorização do órgão.

Leia mais:

Manaus FA vence Porto Velho Miners por 41 a 0 na estreia do Brasileirão de Futebol Americano

Ex-jogador da Seleção Brasileira usa experiência para ser treinador no Pelci

City bate Real em jogo pela semi da Champions

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.