×
aprendizado

Projeto em Manaus promove incentivo à leitura e à crítica social para jovens e adultos

Projeto Literatura em Ação ajuda alunos da Educação de Jovens e Adultos e acontece por meio da produção de textos diversos e encenação de peças teatrais

No final do mês de junho, alunos declamam poesias e apresentam peças teatrais. Foto: Divulgação

Manaus (AM) – Desenvolvido na Escola Estadual Padre Luís Ruas, na Zona Leste de Manaus, o Projeto Literatura em Ação tem o objetivo de desenvolver, para alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), a habilidade de leitura e interpretação das diferentes formas de arte, estimulando a criatividade. As atividades acontecem por meio da produção de textos diversos e encenação de peças teatrais.

A ápice do projeto ocorre neste mês de junho e conta com declamação de poesias, produção de textos literários e apresentação de peças teatrais.

O projeto busca mostrar com uma abordagem lúdica a diversidade dos textos e valorizar o espaço da biblioteca escolar. É desenvolvido seguindo a reformulação orientada pela Secretaria de Educação do Amazonas (Seduc-AM) no sentido de colocar à disposição do Estudante da EJA uma modalidade atrativa, que o capacite a vencer os obstáculos do ensino, tendo em vista não só “a característica etária, mas a diversidade sociocultural e econômica de seu público”. 

Marta Lima, aluna da 11ª etapa do EJA noturno, fala com entusiasmo sobre sua participação no projeto.

“A encenação da peça Morte e Vida Severina me ajudou a perder o medo de falar em público, e isso nos dá a oportunidade de ampliar os nossos conhecimentos. A literatura pode contribuir com a imaginação, além de favorecer o acesso a diferentes culturas de povos. ‘Uma criança, um professor, um livro e uma caneta podem mudar o mundo’, disse a ganhadora do Prêmio Nobel. No nosso caso, um adulto, e eu sou muito grata a todos da escola por essa oportunidade”, concluiu Marta.

Marta Lima (sentada usando chapéu de palha, na primeira fileira) é aluna do EJA noturno. Foto: Divulgação

O trabalho com projetos incentiva os estudantes a permanecerem na escola e desenvolve neles habilidades, possibilitando a construção do conhecimento crítico, preparando-os para o pleno exercício da cidadania.

David da Silva Cardoso, diretor da escola, aposta na metodologia de projetos e é um grande apoiador dos docentes.

“É de grande relevância a atividade, pois construir a vida escolar com projetos possibilita tornar os conhecimentos perenes, vinculados aos empreendimentos de buscar ensinamentos com práticas ativas voltadas aos conteúdos da disciplina”, afirmou.

Incentivo aos alunos

O Projeto, coordenado pela professora Rosângela Portela, que ministra aulas de Língua Portuguesa, surgiu da necessidade de desenvolver, no educando, o gosto pela leitura, o prazer estético, e está em consonância com a reformulação da Educação de Jovens e Adultos (EJA), que tem como objetivo aperfeiçoar as práticas educativas da modalidade.

A professora afirma que hoje os alunos estão se distanciando da obra escrita, e os estudantes da EJA têm outros obstáculos a serem vencidos. Daí a importância de promover esse encontro especial com a leitura, o que possibilitará, ao aluno, experiências com o universo literário, mergulho na subjetividade, levando-o a redescobrir-se e a encontrar-se.

“Se por meio desse projeto eu consigo possibilitar ao aluno a vivência literária, o exercício da fantasia e da imaginação, levando-o a produções orais, escritas, cinematográficas e dramatizações cênicas, eu já me sinto realizada. Assim como quando ouço de um aluno: ‘Professora, não vou esquecer nunca desse momento’, é assim, transformador, não só para eles, mas para mim que vivo essas emoções com eles. É gratificante!”,

conclui a professora Rosângela.

A Escola

A Escola Estadual Padre Luís Ruas foi criada em 1º de fevereiro de 2001 e recebeu esse nome em homenagem a Luiz Augusto de Lima Ruas, que foi sacerdote, poeta, jornalista, ensaísta e professor brasileiro.

Está situada no bairro Zumbi dos Palmares e atende alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA), Tem como missão primordial ofertar uma educação de qualidade e inclusiva, visando à formação de cidadãos críticos, conscientes e participativos, preparados para os desafios do mundo moderno.

Leia mais:

Grávidas ganham ensaio fotográfico em projeto social de Rio Preto da Eva

Projeto Social de Manaus leva alimento a quem precisa e já beneficiou 5 mil pessoas em um mês

Parceria leva oficina de cinema para 11 escolas de Manaus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.