×
Apreensões

Cães policiais atuam em ocorrências e auxiliam na apreensão de materiais ilícitos no AM

Eles fazem parte de uma das tropas especializadas da Polícia Militar do Amazonas, a CIPCães

Manaus (AM) – As habilidades caninas, principalmente as que são desenvolvidas por meio do faro, têm sido de grande relevância para o trabalho policial realizado no estado. Para que os bons resultados sejam frequentes, os treinadores da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães), uma das tropas especializadas da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), dedicam-se intensamente para que os cães da segurança tenham maior aproveitamento.

Atualmente, a Companhia conta com 21 cães que realizam missões como faro de entorpecentes e explosivos, salvamento e resgate, controle de distúrbio civil, policiamento ostensivo e ações em presídios.

O sargento Carlos Mendes, um dos treinadores que atua na CIPCães, diz que o treinamento deve ser agradável para o cão, pois para o animal aquilo se trata de uma simples brincadeira.

“Para treiná-lo você precisa estar bem consigo mesmo. Cada sucesso do cão que está sendo treinado é uma alegria para você. Então isso faz com que este trabalho seja leve e sem estresse, pois estamos sempre exercitando nosso lado emocional, quando estamos em contato com os animais”, disse o sargento, ressaltando que o treinamento acaba servindo como uma terapia para os policiais militares.

Desfazendo alguns mitos relacionados aos cães farejadores de narcóticos, o sargento Carlos explicou como funciona o treinamento com esses animais.

“Tirando aquela mítica de que os cães farejadores de entorpecentes são viciados, isso é uma coisa totalmente absurda, já que o cão não pode ter contato direto com a substância entorpecente”, afirma ele, explicando que o treinamento dos cães farejadores segue o mesmo padrão daquele realizado com outros cães, no qual eles aprendem a identificar cheiros. Para estimular os animais, são utilizados brinquedos como forma de recompensa, quando o cão cumpre a tarefa proposta.

Missões

Além das ações realizadas na capital, os cães também fazem parte do efetivo da operação Hórus, em especial da Base Fluvial Arpão, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). Eles auxiliam nas abordagens feitas nas embarcações ou nas demais ocorrências em que as habilidades dos cães policiais sejam necessárias.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Cães do Corpo de Bombeiros realizam treinamentos em resgates

Mutirão de castração para cães e gatos chega na Cidade Nova em Manaus

Grande incêndio destrói casas e mata cães no bairro da Raiz, em Manaus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.