×
Corpo encontrado

Bombeiros descartam que corpo encontrado em Iranduba seja de paraquedista desaparecido

Comandante dos Bombeiros da Capital (CBC), o coronel Sulemar Barroso descartou a possibilidade do corpo ser do paraquedista desaparecido desde o dia 15 deste mês

Manaus (AM) – Um corpo foi encontrado por volta de 14h30, em área de igarapé, na tarde desta terça-feira (26), no Distrito de Ariaú, município de Iranduba (distante a 27 quilômetros de Manaus). O corpo foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM) após ter sido encontrado por um comunitário, que apanhava açaí na boca do igapó no Paraná do Ariaú, distante do distrito 15 minutos de barco.

O homem possuía uma tatuagem de tigre na perna esquerda e foi encontrado sem os dois braços. Familiares informaram que o advogado Luiz Henrique Cardelli não possuía a tatuagem na perna esquerda e, posteriormente, o Comandante dos Bombeiros da Capital (CBC), coronel Sulemar Barroso, descartou a possibilidade de ser do paraquedista desaparecido desde o dia 15 deste mês.

“O corpo encontrado nesta terça-feira no igapó do distrito de Ariaú apresentava uma tatuagem de um tigre na perna esquerda e o paraquedista desaparecido não tinha tatuagem. A informação também foi confirmada pela ex-esposa do paraquedista, Jessica Santos”,

disse o coronel.

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) vai fazer uma investigação aprofundada para descobrir mais sobre o cadáver. O corpo foi removido do rio com apoio da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e foi entregue para o Instituto Médico Legal (IML) do município de Iranduba.

Leia mais:

Buscas por paraquedista desaparecido chegam ao 12º dia

Amiga enviou vídeo sobre temporal para paraquedista desaparecido no Amazonas

Confederação de Paraquedismo suspende saltos em Manaus, após morte e desaparecimento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.